Temer na cadeia Aécio na cadeia

Temer na cadeia Aécio na cadeia
Copiem e colem em seus perfis

quarta-feira, 1 de agosto de 2012

INFORME-SE!


INFORME-SE

Antes de apenas criticar é preciso adequar-se ao tipo de civilização a que estamos sujeitos e compreender que sempre haverá dificuldades e que cabe a nós amenizá-las. Votar, por exemplo, é um ato mais importante do que possa parecer a quem apenas enche o peito de ar para gritar ao mundo que odeia política e que nenhum político faz nada pelo povo; o que de fato não é aplicável à realidade, ou o país já teria falido há muito tempo.

É fato que nossa nação tem muitos contrastes que não serão facilmente resolvidos, mas se ficarmos simplesmente conformados eles simplesmente nunca serão resolvidos. Cada cidadão tem também dever e direito de se por a frente de comando para tratar da administração dos bens de seu povo; informação que não é muito divulgada, nem mesmo em época de eleição.

Nos três poderes existem cidadãos que funcionam como extensão do cidadão comum, que por sua vez também tem poder de prisão, de criar leis, criar organizações não governamentais, institutos e a concorrer também aos cargos desses mesmos poderes; dois deles por eleição direta e um por mérito e indicação.

Talvez até fosse mais democrático se todos os três fossem por mérito ou que o cidadão pudesse ser candidato sem necessariamente depender de um partido ou coligação, ou se um mesmo cidadão jamais pudesse ocupar duas vezes o mesmo cargo político. Tudo isso depende de reformas que certamente não veremos tão cedo sendo aplicadas.

Leis feitas por cidadãos comuns também são postas em prática como a Lei de Criação do Arquivo Público de Pacoti, a nível local, da qual sou um dos criadores, juntamente com Levi Jucá e Rosimar Brito; e a nível federal, a Lei Antifumo, a qual assinei virtualmente e divulgo até hoje no meu primeiro blog; Lei Seca, que foi agora aprimorada pela chamada Nova Lei Seca, que dá mais rigor e acréscimo no valor das multas; e a Lei da Ficha Limpa, que visa barrar candidatura de políticos com ficha suja.

Se você cansou de votar e nunca encontrou o seu candidato ideal, melhor do que virar um dos fanáticos que defendem piamente A, B ou C cegamente, ou que prega o voto nulo ou branco como a única opção, o que de fato não gera mudança alguma; crie coragem e se candidate na próxima eleição, ou procure se informar e crie as leis que você acha que faltam, ou cobre ações dos vereadores e prefeitos já eleitos por projetos que beneficiem seu município ou sua localidade.

É preciso dar o primeiro passo. Informe-se! Busque novas opções! Mova-se! Não deixe que os outros resolvam sozinhos o seu futuro por você! Faça valer os seus direitos e deveres de cidadão!

AROLDO FILHO
02/08/2012

Nenhum comentário:

Postar um comentário