Temer na cadeia Aécio na cadeia

Temer na cadeia Aécio na cadeia
Copiem e colem em seus perfis

sexta-feira, 24 de outubro de 2014

AÉBRIO NEVER, O VICE ADÃO

http://aroldopacoti.blogspot.com.br/2014/10/aebrio-never-o-vice-adao.html
AÉBRIO NEVER, O VICE ADÃO

Aébrio mente que cachaça é água
Mas, água ele não bebe não
Brinda com Fernando Henrique
Quer enganar a população

Pó também não é tudo na vida
Faz carreirinha o vice Adão
Pó, pó, pode ter certeza
Não vai parar a fabricação

Pó tem no aeroporto
Pó só traz desgraça
Não se pode misturar
Cocaína com cachaça

Aébrio mente que cachaça é água
Mas, água ele não bebe não
Leva ponto na carteira
Que já tá vencida, então

Pó também não é tudo na vida
Faz carreirinha o vice Adão
Virá de helicóptero
Muito mais do que um bilhão

Pó não atrai amor
Disso ele acha graça
Bate em mulher quando mistura
Cocaína com cachaça

Ateu Poeta
24/10/2014

quarta-feira, 22 de outubro de 2014

DILMA PRA PRESIDENTE

DILMA PRA PRESIDENTE

Após esta eleição
Para sair da rotina
Quero ver esse Lobão
Finalmente uivar na China

Prefiro não ver a pátria
Entrar pelo cano
Com esse governo tucano
Dono da mídia e do pó

Aeroporto de fachada
É uma grande furada
Apoiar quem bate em mulher
E escapa do xilindró 

Fala tanto em ditadura
Essa esnobe oposição
Que sempre foi de direita
e nunca apoiou a nação

Sonha em privatizar
Até as réstias de sol
Porque só sabe governar
Com rede, linha e anzol

A nobreza do cabresto
Não, não quero mais
Já basta de censura
Coronel e capataz

Atribui ao PT
Façanhas de irmãos metralha
Se nada sabe fazer
Chama logo de petralha

Dilma sobreviveu 
Com muita luta à tortura
Tem fibra, vigor
E uma enorme bravura

Grande parceira de Lula
Nosso maior presidente
Já reconhecido
Internacionalmente 

No dia 26
Para o Brasil ir em frente
Votarei 13 na urna
Dilma pra presidente

Ateu Poeta
O Historiador de Pacoti
22/10/2014

terça-feira, 7 de outubro de 2014

MEU MUNDO PAIRA

MEU MUNDO PAIRA

MEU MUNDO PAIRA

O mundo pira no seu rebolado
Meu mundo para no seu requebrado
E tudo paira nesse seu gingado
O coração pula apaixonado

O verso triste desversificado 
E todo mundo de olho vidrado
O resto fica pra depois, de lado
Nessa hora não nada errado

Vamos embora
Estou atrasado 
Eu quero ver-te
Muito encantado

A pista gira, som alucinado
Nada, nenhum e nem ninguém parado

Ateu Poeta
06/10/2014