Temer na cadeia Aécio na cadeia

Temer na cadeia Aécio na cadeia
Copiem e colem em seus perfis

quinta-feira, 28 de julho de 2016

SONETO PERFEITO

SONETO PERFEITO

Falta criticidade
Quanto mais vazios
Mais engolem verdades
Enlatadas em barris sombrios

Sem o menor gradiente
Quem só viu o azul
Não distingue um fio de blues
De um pedaço de dente

A vaidade é vil e estridente
Fomenta a ganância do tridente
É da ciência ciente
Mas, age com falsidade e insiste

Sempre manipuladora
Águia na agulha, adora
Quando o soneto perfeito aflora
Só para provar que a perfeição não existe

Aroldo Historiador
28/07/2016

Nenhum comentário:

Postar um comentário